quinta-feira, 4 de novembro de 2010

O tempero da Diversidade

O tempero da diversidade faz toda diferença  (Viviane Duarte)

Este pequeno conto abaixo é uma boa dica de leitura para os professores  explorarem o tema do respeito e aceitação das diferenças entre os homens.Após contarem a história muitos aspectos podem ser explorados!





Um ratinho branco encontra um grilo preto que nasceu sem asas.
Eles se tornam grandes amigos. Conheça o início dessa amizade.
—E das minhas asas, que é que você acha ?
—Quer saber ? Eu nem noto mais isso. Acho que você é formidável.
—Obrigado.
—Sua casa é aí ?
—É. Moro aqui há muito tempo. E você onde mora ?
—Logo ali. Não é longe. Quer ir até lá ?
—Gostaria, mas você sabe, ando muito devagar e ...
—Mas eu não tenho pressa. Poderíamos conversar ...
—Você gosta de conversar ?
—Se gosto. Gosto muito mesmo. E você ?
—Gosto, mas converso pouco. Quase não tenho amigos. Esse meu defeito...
—Não pense nisso. Você gostaria de Ter um rato branco como amigo?
—Adoraria.
—Muito bem ! Olhe para mim. Já somos amigos. Agora vamos.
E foi assim que um ratinho branco e um grilo preto e sem asas tornaram – se amigos. Caminhavam lentamente sobre a relva, e o sol, que já descia no céu, cobria com seus raios de luz os amigos aquecidos pelo afeto que brotava em seus corações.
Conversaram muito, e nessa conversa foram compreendendo e aceitando a realidade de cada um. É maravilhosa a amizade quando aceitamos o outro como ele é.( Maria Armanda Capelão - Coleção Marcha Criança – 3ª série)

Questões para serem exploradas:Somos todos iguais...
1- Como você é? Faça sua descrição?
2- Você gosta de como você é? Por que?
3- Como é seu melhor amigo? Descreva-o? Por que você gosta dele?
4- Você tem algum amigo ou parente com características muito diferentes das suas ? O que sente por essa pessoa?
5 - Você acredita que o mundo poderia ser interessante se todas as pessoas fossem iguais?


                                                                                                                            Fabricia França




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário